sábado, 7 de junho de 2008

Crise... ... ...

Tomei uma decisão há muito tempo , de não fazer qualquer publicação neste espaço sobre política.
Como todos nós sabemos, não só pela conjuntura mundial, Portugal atravessa neste momento um período muito crispado, motivado pela crise. Isto tem-me dado muitas voltas à cabeça que hoje vou abrir uma exepção. Quando ouço pelos quatro cantos onde passo falar em crise, fico um tanto ou quanto pocesso. Senão vejamos:- Festas, Fátima, Fado , Futebol etc. Foi-se a crise!!!Festas. Os espectáculos com o Rock-in-Rio, encheu as medidas, esgotaram-se tudo quanto eram bilhetes de ingresso. Madona. Ainda não se realizou e os bilhetes já estão esgotados. Comemoração do décimo aniversário da Expo 98, foi um sucesso. Fátima. Quantos milhões de euros sairam do bolso dos crentes para a construção dum novo Templo e, quantos kgs. de ouro e jóias estão depositados, fora outras oferendas? Para benefício de quem? Fado. Todos os Portugueses são uns fadistas por natureza e, se bem repararmos todas as casas de fado estão sempre abarrotadas. Não faz mal! É para aliviar o stress do dia a dia. Futebol. Os felizardos que sabem dar dois pontapés numa bola, riem-se à nossa custa. Nada lhes falta, até hotel de cinco estrelas usufruem. Quantos Portugueses foram acompananhar a equipa das quinas? Uns com o dinheiro dos papalvos, outros em escursões organizadas . Carestia de vida. Cada vez mais automóveis de topo de gama e, não só, são vendidos ou trocados por outros melhores. Crédito. Cada vez mais individados. Os bancos dão-se ao luxo de retirar das pensões inferiores a 250 euros a módica quantia de 7.5 euros mensais para gestão de contas. Dinheiro esse, que para muitas familias daria para matarem a fome um dia. O" pitroilho" aumenta ou diminui mas os combustíveis não faltam nos popós, vendo-se cada mais nas estradas os enormes congestionamentos, com os consequentes acidentes. Pretende-se um trabalhador indeferenciado para pequenos trabalhos, não se encontra,precisa-se duma pequena intervenção em nossas casas para substituir um vidro ou uma simples fechadura , não aparece,necessitamos a reposição duma simples telha que está partida raramente se encontra alguém que a vá substituir tc.etc.etc. Mundo cão!!! e, a crise malvada continua. BOM FUTURO PORTUGAL . Isto sim! é qualidade de vida. E eu a pensar que sou um indivíduo rico que me posso delirar com esta crise... Vamos mas é todos,mas mesmo todos, arregaçar as mangas e dar um pouco de nós , trabalhando para que regressemos à tão benfaseja democracia e liberdade que usufruimos para não voltar-mos a cair numa outra DITADURA, já que somos um povo que só sabe dar o valor aos nossos desejos, quando temos um pastor e um cajado para nos guiar. Sejamos criativos e, não se destrua o quanto temos de mais belo. LIBERDADE e DEMOCRACIA. Não deitemos por terra tudo aquilo que uns valentes nos deram e, outros sofreram na carne as agruras que tiveram nas lutas que travaram.

10 comentários:

Um Momento disse...

Meu Amigo João...
Assino por baixo... na integra!

Um beijo de Bom Domingo!

(*)

BaBy_BoY_sWiM disse...

Subscrevo inteiramente o que escreveu.

E o Europeu? As televisões?! Parece que se Portugal ganhar o Europeu, não haverá mais crise e a gasolina vai diminuir o preço?!

Este país é muito triste, tenho saudades da Irlanda!

Um abraço João! :)

Sophiamar disse...

João

Estou contigo como te vens apercebendo através dos meus comentários e posts. Será o nosso fado voltar a integrar um rebanho guiado por um pastor que nos indica um trilho estreito para andar?
Eu quero Liberdade, Paz, Pão, Trabalho. A crise está em tempo de intervalo, João. Agora só olhamos para a bola.
E lá vamos cantando e rindo.Mas há muitos a chorar.

Beijinhos

ameixa seca disse...

Acabei de ter um dejá vu. Achei que já tinha lido isto nalgum lado. Mas olha que ainda há muitos portugas como eu... que não vão aos concertos, que não frequentam casas de fado, que não vão apoiar quem, na minha modesta opinião, não precisa de apoio. Eu sim... vivo a crise ao minuto, sem dinheiro, sem emprego e só com muita fé e paciência.

Nelio disse...

Pois eu concordo consigo em cada ponto.....um abraço...

São disse...

Estás com a razão na totalidade!!
Tudo de bom.

Teresa Calcao disse...

Ola Joao,
Concordo 100% com esta tua analise sobre a "crise"....acertaste em cheio!!!!!!
:):)

Dama do Lago disse...

Caro João, eu vejo que nós já estamos todos metidos numa ditadura até ao pescoço, mudou só a forma e a cor... Continuamos tão escravos como sempre.

rascunhos disse...

Embora me considere optimista por natureza, não vejo com bons olhos, o futuro deste país, onde cada vez mais reina o "chico-espertismo".

e o que me dói mesmo é ver já instituido esse "espírito" também nas camadas mais jovens

além da crise económica assiste-se a uma enorme crise de valores, começando pela classe que nos (des)governa

Cpts

http://rascunhandoporai.blogspot.com/

Amalia disse...

O tema da crise é terrível. Ao ler o seu comentário senti reflectia a situação em que vivemos também no Chile. O aumento do preço do petróleo gerou protestos por camionistas, que nos dá um receio de escassez. E, apesar de ser um país produtor, todos os alimentos é caro e os salários continuam a ser os mesmos ... Aqueles que mais sofre com esta inflação são idosos que, infelizmente, estão completamente desamparados pelo governo e estão passando fome e frio neste momento ...
Da raiva do que por questões políticas e interesses pessoais, as pessoas têm que sofrer, é uma grande injustiça.

Obrigado por compartilhar seus sentimentos.

Saudações!