domingo, 13 de julho de 2008

Orquídeas de caninha

Valeu a pena destribuir por outros vasos. Vieram bem bonitas. Fica bem oferecê-las , quem quizer que as leve . A Cris está com o olho nelas...
.

5 comentários:

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Tínhamos no sítio, umas orquídeas lilases qua quando floresciam tomavam os troncos das árvores e na mata fechada, havia umas que eram pintadas de amarelo e marrom, deveria tê-las fotografado! Agora, no meu quintal estão se abrindo uns lírios do campo...

Cris Bolbosa disse...

João, com que então estou de olho nelas, eh? Bem lindas. Mas deixa-me dizer-te que tenho cá uma prestes a abrir. É verdade. O nosso querido amigo Nélio enviou-me há uns meses, lembras-te de ele ter muddo um vaso que estava superlotado? Pois é, um dos pedacinhos veio morar para aqui.
Aliás, tenho que ir espreitá-la, pois se calhar já abriu e nem vi.
Mas pode ser que seja diferente, e assim continuo de olho nas tuas, eheh.

Emília disse...

Tenho algumas aqui no Funchal. Não duram muito mas são lindas.

Ana disse...

São muito bonitas estas orquídeas a Cris tem bom gosto. Beijs, Ana

Dama do Lago disse...

Espectáculo :)!! Sabe a espécie? Fiquei curiosa, acho que nunca vi destas...