terça-feira, 12 de agosto de 2008


4 comentários:

Sophiamar disse...

Quando regressar, estou de saída, levarei uma para o meu cantinho. Ficará a ver o mar.

Beijinhos

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Branca: PUREZA E PAZ!
DIVINA!

Cusquinha endiabrada disse...

Que fofa! Parece daquelas que não precisam ser regadas, sabes? ahahah

Crisfonseca disse...

Olá João,
Belíssima rosa, sublime presente da natureza.
Obrigada pela visita ao meu blog, esteja a vontade , volte quando quiser e sejas bem vindo.
João seria uma honra fazer uma caricatura de te, mas infelizmente não trabalho com caricaturas, meus desenhos são realísticos, e no caso de retratos são feitos pela fotografia,ou se a pessoa for provida de muita e muita paciência o faço de modelo presente. Mas no realismo é mais dificil devido ao tempo que se leva com os detalhes. Geralmente é muito mais fácil com paisagens, enfim a liberdade dos traços é bem diferente, isso pra realismo, que é a minha proposta no grafite.
Mas igualmente horanda me sentiria ao desenhar uma de suas belíssimas rosas, poderiamos fazer tua proposta com as rosas.
E aquele desenho que tenho dos pássaros foi baseada em uma foto, ao ler a poesia lembrei-me do desenho que havia feito tem algum tempo.
Abraços com carinho,
Cris