quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Figos

E que tal uns figuinhos ao pequeno almoço, acompanhados com um pão fresquinho? Atenção aos Brasileiros com a palavra "fresquinho". Não tem o mesmo sentido que em Portugal.

7 comentários:

Rosan disse...

João, este neg´cio de fresquinos, é só para pessoas maliciosas, entendo fresquinho, como recem feito...
a os figos que delícia. chega a dar água na boca, por aqui só os ramos secos pelo inverno...mas para breve a primavera...e aí tudo começa de novo.

beijo

Fatyly disse...

Ai João, João... que iam já uma dúzia deles:)))) e apanhá-los à beira da estrada e comer? hummmmmm marcham com casca e tudo:)

AVOGI disse...

Joao acabei de comer dois quilos deles , kis :):) tou que pareço uma lontra.

lis disse...

São muito bons João quando em compotas.
Ainda não é tempo por cá.

abraços amigo

Rubi disse...

Saudades de comer muitos figos!

Espaço do João disse...

Querida Rosan.
Sei bem qual o negócio da palavra fresquinho nos dois sentidos.

Para a Fatyly,
Lis
Avogi
Rubi
Venham todos, pois há muitos figos e bons. São da espécie Moscatel, teem um pingo de mel na ponta e, estão bem madurinhos.
Aos Dióspiros, só quando chegar a meados do mês que vem, Os tomates, ainda há muitos e já tenho a arca frigorífica carregada para o resto do ano.
Também se pode conservar meio maduros para salada na altura de crise, mas só com tratamento especial. Para talteem de estar meio verdes.

São disse...

Adoro figos! Sou capaz de comer até já não caber mais e mesmo assim ainda insistir com mais 1 ou 2!
Arranjei uma figueira pequenina e coloquei-a num canteiro grande, só que agora que começou a crescer e arrisca a ir meter o nariz no quintal dos vizinhos não sei se a poderei podar...